Passeio em Nova York - Ellis Island

O passeio a Estátua da Liberdade, provavelmente, é um dos procurados pelas pessoas que visitam Nova York. Porém, além da visita ao monumento, esse programa oferece um bônus extra, que vale a pena conhecer para quem curte história: Ellis Island.

O passeio não é dos mais caros. Em 2013 custou US$18.00 o básico. Por um acréscimo, é possível comprar bilhetes para acessar o pedestal e a coroa da estátua. A empresa indicada pelo site governamental National Park Service é a Statue Cruises. O dia estava frio. Fui para Battery Park e comprei meu ingresso na hora.

No estilo dos aeroportos, antes de embarcar no barco do passeio, passa-se por uma inspeção de segurança e os pertences passam no raio-X. O barco é grande, o conforto é mediano, mas nada que incomode em uma viagem tão rápida.

A primeira parada é Liberty Island, lar da famosa Estátua da Liberdade. Como disse antes, meu interesse era conhecer Ellis Island. Por isso, fui um dos poucos que permaneceu a bordo nessa parada. Tirei algumas fotos de dentro da embarcação e o que posso dizer é que achei a estátua…verde! …rs

Liberty Island
Liberty Island

O barco não segue vazio. Quem já tinha visitado a Estátua vota a bordo para dar prosseguimento para Ellis Island.

Porta de entrada para os milhões de imigrantes, entre o final do séc. XIX e meio do século XX, essa ilha faz parte do Statue of Liberty National Monument e abriga o museu da imigração. Apesar de legalmente fazer parte de Nova Jersey, a ilha é considerada um pedaço de Nova York.

Ellis Island - Entrada
Ellis Island – Entrada

Esse passeio teve doses de emoção extra para mim. Aos poucos, percebi que ali fora um lugar de muita felicidade e dor para milhares de pessoas que vinham de várias partes do mundo em busca de uma vida melhor. Alguns chegavam sozinhos, outros vinham encontrar seus familiares. Muitos simplesmente eram mandados de volta.

Ellis Island - interior
Ellis Island – interior

Entrei no prédio cheio de turistas e me senti perdido, sem saber para onde ir. Comecei a andar pelo primeiro andar, um salão enorme. Havia um mezanino e me deparei com uma grande escada com três divisões. Parei e fiquei observando por alguns instantes. Porém, decidi tomar um outro caminho e cheguei no andar superior.

A impressão que tive é que estava em um hospital do passado. Vi o local onde os imigrantes se amontoavam, aguardando para saberem seus destinos. Segundo o que li, os que ali chegavam eram mal tratados por sua condição de cidadãos estrangeiros que buscavam ali, naquele país, naquela cidade, um destino melhor para si e os seus.

Basicamente, todos passavam por uma avaliação para descobrir se possuíam doenças ou inaptidões físicas que os impedissem de levar uma vida comum.

Ellis Island - camas da quarentena
Ellis Island – camas da quarentena

Meio triste pelo que vira, resolvi ir embora e, mais uma vez, dei com a escada que vira anteriormente.

Desci vagarosamente pelo lado esquerdo, relembrando o que acabara de ver. No pé da escada havia uma pequena placa que dizia:

Escadas da Separação”
Depois de completar a inspeção no Salão de Registros, os imigrantes desciam esses degraus, chamados de “Escadas da Separação”. O lado direito levava para as bilheterias de trem (de Nova Jersey), o esquerdo para a barca de Nova York e os do meio para a área de detenção. Essas escadas marcaram a separação de muitas família e amigos com destinos diferentes.

Ellis Island - Stairs of Separation ©Doow, Sarah
Ellis Island – Stairs of Separation
©2011 – Doow, Sarah

Nesse momento senti um arrepio. Virei-me e olhei de novo para as escadas.

Imaginei as pessoas descendo, seus rostos marcados pelo cansaço após a longa viagem e pela inspeção. Muitos, seguiram pela direita ou esquerda, de encontro a felicidade, a terra nova, amigos, parentes, a realização de um sonho ou necessidade. Por eles, senti uma grande alegria.

Enquanto outros, talvez sem entender muito bem o que estava acontecendo, seguiram para a área de detenção ou hospital, onde seus destinos se tornariam uma incógnita. Uma angústia forte sobreveio.

Dei-me conta que tinha descido pelo lado esquerdo. Olhei de volta para frente e caminhei para a saída.

Segui para a barca que me levaria para Nova York.

______

Créditos de imagem
“Ellis Island – Stairs of Separation” – ©2011 – Doow, Sarah
Demais imagens de arquivo pessoal ou usadas sob licença Creative Commons.

 

 

 

http://nyc.helvecio.com/wp-content/uploads/2014/07/ellis_island.jpghttp://nyc.helvecio.com/wp-content/uploads/2014/07/ellis_island-150x150.jpgHelvécioPela CidadeO passeio a Estátua da Liberdade, provavelmente, é um dos procurados pelas pessoas que visitam Nova York. Porém, além da visita ao monumento, esse programa oferece um bônus extra, que vale a pena conhecer para quem curte história: Ellis Island. O passeio não é dos mais caros. Em 2013 custou US$18.00 o básico. Por...Nova York vista de longe